21
Anos
Brasil

Que é a Terapia da Linha do Tempo

 Perguntas frequentesBibliografiaAgenda

Histórico

Características

Principais Técnicas 

Resultados Distintivos

Benefícios – Aplicações Práticas

 

Histórico

A Terapia da Linha do Tempo® – TLT tem seu início em 1985 a partir de experiências de Tad James, Ph.D., Wyatt Woodsmall, Ph.D. e colaboradores que começaram a testar o uso de linhas do tempo para facilitar mudanças pessoais. As linhas do tempo, no entanto, estão na história do pensamento há vários séculos. Seu conceito começou a ser construído no início da evolução da consciência e do pensamento sobre a passagem do tempo e sua vinculação com a experiência humana. Platão (séc. IV-V a.C.) falou da medida do tempo e Aristóleles, no século IV a.C., foi o primeiro a mencionar o “curso do tempo” em Física IV. William James, filósofo e psicólogo, escreveu sobre a organização linear e interconectada das memórias em 1890 em seu famoso Principles of Psychology, fortalecendo na psicologia a idéia da linha do tempo. O conceito foi retomado no final dos anos 70 por Richard Bandler, John Grinder, Ph.D. e seus colaboradores quando, pesquisando a representação mental de variáveis relacionadas com o tempo, descobriram que as pessoas podiam identificar suas linhas pessoais de tempo. Pouco depois, Tad James, Wyatt Woodsmall e seu grupo de colaboradores pela primeira vez desenvolveram um processo terapêutico usando esse sistema interno linear de organização das memórias, publicando em 1988 o livro Time Line Therapy and the Basis of Personality.

O início da década de 90 encontra a TLT com conceitos e técnicas específicas, incorporando a noção inédita de causa-raiz. John Overdurf, Julie Silverthorn e Wyatt Woodsmall, entre outros, enriqueceram as possibilidades e a singularidade da TLT com técnicas ligadas ao uso de estruturas linguísticas para originar estados de criatividade interna e à mudança na posição da linha do tempo em técnicas para desenvolvimento e transformação pessoal. Nesse tempo, Tad James dedicou-se à difusão da TLT e manutenção de sua integridade e singularidade, credenciando instrutores para diversos países ao redor do mundo. A TLT conta hoje com profissionais nos cinco continentes.

A Terapia da Linha do Tempo® chegou ao Brasil e América do Sul em 1993 através de George Vittorio Szenészi, M.Sc., que em 1994 tornou-se o primeiro instrutor latinoamericano de TLT, convidado e credenciado pessoalmente por Tad James. George Szenészi dedicou-se a desenvolver e integrar novas técnicas e a sistematizar os fundamentos teóricos, procedimentos e protocolos da terapia. Seu trabalho na formação de terapeutas levou a Terapia da Linha do Tempo® a inúmeros profissionais de vários estados brasileiros, da Argentina e de Portugal. É autor do livro Está na Hora!? A Psicologia das Linhas do Tempo.

Características

A Terapia da Linha do Tempo® é uma terapia breve de processo, consistente com os pressupostos da psicologia cognitiva, alinhada com a proposta de terapia orientada para a solução de problemas. Por terapia de processo entende-se que se trata de uma terapia em que o foco está em como o cliente estrutura internamente suas experiências e seu modelo pessoal de interpretação da realidade e numa sequência de procedimentos que facilitam a ele a criação de um novo modelo interno de realidade mais favorável. A TLT desenvolveu-se como uma abordagem que produz muito rapidamente transformações profundas e duradouras, muito mais rápido e abrangente do que é correntemente chamado de terapia breve. Caracteriza-se por:

 a. Um conjunto de pressupostos e um modelo de processamento mental cognitivo que fornecem o suporte teórico para a abordagem.

 b. Procedimentos e técnicas que guiam o terapeuta em passos para o alcance de determinados efeitos ou resultados dentro da estratégia terapêutica para ajudar o cliente. Suas características peculiares permitem antecipar os efeitos das técnicas.

 c. Uma linguagem, na relação terapêutica e em cada técnica, própria para o envolvimento positivo, atuante e direcionado do inconsciente do cliente no seu próprio processo de mudança.

 d. Uma atitude terapêutica que suporta a forte crença nas possibilidades ilimitadas do cliente de produzir mudanças rápidas e significativas que respeitem sua integridade pessoal.

 

Principais Padrões e Procedimentos

Os processos terapêuticos da Terapia da Linha do Tempo® se desenvolvem em torno de sete técnicas e procedimentos principais para:

 1. Identificar a linha do tempo. A linha do tempo é uma representação da organização espacial do tempo de uma pessoa. Tem a particularidade de indicar características do modo como ela se organiza e se adapta em sua relação com seu meio externo, sendo também uma metáfora sobre como ela vê, sente e interpreta aspectos de sua vida emocional. Na TLT é a via de acesso à representação dos eventos significativos da vida do cliente.

 2. Identificar a causa-raiz de um problema. Um dos pressupostos da TLT é que cada problema pode ser concebido como tendo se originado num evento particular denominado causa-raiz. A causa-raiz é definida como o primeiro e mais antigo de todos os eventos relacionados com o problema e que estabeleceu o ”palco primário” aonde o problema mais tarde veio a se desenrolar. A causa-raiz não é uma experiência traumática, não é consciente e comumente não é lembrada durante a terapia. Os procedimentos da TLT permitem sua identificação e transformação.

 3. Dissipar emoções. A reestruturação emocional das causas-raízes de emoções como tristeza, raiva, medo, culpa e outras dissipa o acúmulo dessas emoções na estrutura psíquica e orgânica. A “limpeza” de cada causa-raiz reestrutura e elimina de uma só vez todas as emoções de mesma natureza acumuladas nas memórias do cliente.

4. Neutralizar crenças e decisões limitantes. Pode-se conceber que as dificuldades pessoais, comportamentos disfuncionais e atitudes limitantes se apóiam em decisões e crenças empobrecedoras e geralmente inconscientes. A técnica permite o acesso direto aos pontos de origem destas crenças e decisões e a sua imediata “desconstrução”.

 5. Mudar a linha do tempo. Inúmeros estados pessoais desconfortáveis, condutas ineficazes e limitações advêm dos “desenhos” das linhas do tempo. Alterações nas linhas do tempo produzem mudanças profundas na maneira de sentir e reagir à própria história e na maneira de lidar com o contexto externo da vida. É uma das principais técnicas para ajuda no tratamento de dependência química e fortalecimento da capacidade de administração do tempo pessoal.

 6. Depurar e realinhar valores. A estrutura motivacional de uma pessoa, sua eficácia e sua fluidez na vida, assim como sua facilidade para alcançar sonhos e objetivos, dependem diretamente de sua estrutura de valores. A TLT atua com uma metodologia específica destinada a eliminar bloqueios internos de cada valor e promover o alinhamento e consistência interna do conjunto de valores que rege cada área da vida e a vida como um todo de um cliente. O resultado é o aumento significativo da harmonia e equilíbrio de vida e a maior capacidade de realizar projetos pessoais.

 7. Instalar eventos no futuro. Permite que objetivos e metas, sejam eles terapêuticos ou de qualquer área da vida, sejam internalizados diretamente na estrutura inconsciente que gerencia as ações futuras. Em conseqüência e em contraste com métodos tradicionais que requerem contínuas repetições e reforços, esta técnica da TLT é usualmente realizada uma só vez para produzir os mesmos efeitos ou geralmente efeitos mais significativos no alcance de objetivos do cliente.

 

Resultados Distintivos

 Tipicamente a Terapia da Linha do Tempo® permite:

a. Rápida dissolução de emoções negativas massivas. O tempo médio de tratamento de cada conjunto de memórias  de uma mesma emoção ou decisão limitante é de cerca de 10 minutos.

b. Tratamento de experiências traumáticas e dolorosas e experiências sem o reencontro ou revivência     da memória do evento. Não sendo uma terapia de regressão e lidando com o conceito de causa-raiz, experiências dolorosas e origens de medos intensos podem ser tratados de forma suave, uma vez que as causas-raizes não são eventos traumáticos. Os resultados desses tratamentos são usualmente muito rápidos.

c. Alcance de estados de bem estar em poucas sessões. Geralmente mudanças pessoais são alcançadas com um mínimo de ações, graças à precisão das intervenções terapêuticas.

d. Suporte efetivo no desbloqueio de causas emocionais no tratamento de disfunções físicas e orgânicas.

e.  Identificação facilitada dos bloqueios, sua origem e tratamento, no caso de limitações em qualquer área da vida, incapacidade de alcançar objetivos, estados emocionais negativos persistentes, memórias persistentes e outras condições.

f. Desbloqueio de processos terapêuticos difíceis. Segundo o relato de inúmeros psicoterapeutas, a introdução da TLT no tratamento de clientes cuja terapia encontrou um patamar de paralisação deu nova vida à relação terapêutica. Criou a oportunidade de profundas mudanças pessoais com a solução de problemas que não respondiam às intervenções anteriores do terapeuta.

g. Criação de futuro. A abordagem para orientar a vida futura, onde valores, objetivos, metas e condutas podem ser reestruturados e alinhados, maximiza a probabilidade de realização de aspectos da “vida ideal” criada pelo cliente.

h.  Resultados generativos e alavancadores. Os efeitos positivos da terapia tendem a extrapolar o foco terapêutico e alcançar diversas áreas da vida pessoal.

 

Benefícios – Aplicações Práticas

 Alguns exemplos de possibilidades e de situações comuns em que a TLT tem sido utilizada:

               1. Acúmulo de memórias e experiências de vida com sentimentos de raiva, tristeza, medo, culpa, mágoa ou outras emoções;

               2. Fortalecimento da autoestima e da segurança pessoal;

               3. Descontroles emocionais;

               4. Perdas pessoais intensas, lutos e experiências de alto estresse;

               5. Tristeza, desânimo e outros estados emocionais negativos persistentes;

               6. Suporte a programas pessoais de emagrecimento;

               7. Suporte ao tratamento médico de estados de dependência;

               8. Medos intensos agudos e persistentes e estados de ansiedade;

               9. Experiências traumáticas e traumas antigos;

               10. Dificuldades em relacionamentos interpessoais;

               11. Ligações afetivas desarmoniosas ou conflitivas;

               12. Indecisões, estados de dúvida;

               13. Mudança de crenças negativas ou enfraquecedoras sobre si, os outros e situações;

               14. Mudanças constantes de humor;

               15. Origens emocionais de dores e disfunções físicas;

               16. Fortalecimento pessoal dos processos de autocura em disfunções físicas;

               17. Facilitação e superação de dificuldades na realização pessoal;

               18. Terapia de casais, fortalecimento ou dissolução de vínculos afetivos;

               19. Harmonização de áreas da vida como relacionamentos, família, profissão e carreira, desenvolvimento pessoal, espiritualidade, saúde e energia pessoal, etc.;

                20. Suporte e facilitação de projetos pessoais e objetivos de vida.

  •  
Depoimentos

Formei-me Master em TLT e venho utilizando-a desde então como uma das principais ferramentas de meu trabalho, obtendo excelentes resultados e aumento da inteligência emocional dos ver mais . . .
Regina Silva, psicóloga e coach

Veja todos...


Profissionais   Credenciados

Encontre um profissional formado e credenciado mais próximo de você. Clique aqui.


Organização Credenciada

Área dos Profissionais
Login: 
Senha:


 Entrar 




Contato

(48) 9863-3179
ou Formulário de contato.


 facebook   


 Blog (breve)